Acompanha check-in?


Ingrediente secreto

Os dados de localização são os acompanhamentos mais desejados pelo departamento de marketing de redes de fast-food. É isso o que revela umlevantamento encomendado pela startup de métricas Cuebiq e divulgado pelo Mobile Marketer. A maioria (69%) dos profissionais consultados planeja aumentar o uso das informações do chamado “location intelligence”. 

GPS Power

Ao que tudo indica, os programas de fidelidade serão os mais beneficiados por essas infos — já que expandem a experiência dos consumidores. Mais da metade (58%) dos entrevistados de restaurantes de serviço rápido (ou QSR) disseram que usarão dados de localização para ativar estratégias de inteligência competitiva.

O mapa do tesouro

Mas isso não quer dizer que o combo mobile + GPS não esteja funcionando. Já que 56% dos pesquisados estão no processo de avaliar ou já usam dados de localização em seus serviços. O que fica claro entre os profissionais de marketing das QSRs é que a localização é fundamental para entender por que e como os clientes interagem com empresas.

Quem já aderiu?

A tecnologia móvel está transformando a indústria de fast food. As lojas de guloseimas variadas estão trabalhando para organizar esses dados e criar uma visão singular de grupos de clientes, desenvolvendo campanhas altamente segmentadas. Starbucks, Dunkin Donuts e Subway já estão nessa. Afinal de contas, não se pode subestimar o valor de um “push” bem enviado.

MATERIAIS GRATUITOS

MORSE YEARBOOK

Veja o que o futuro da tecnologia mobile reserva para os próximos anos.

RECEBA NOSSO CONTEÚDO