Compra, compra, compra

A Target descobriu que o machine learning —usado para prever o comportamento de compra dos consumidores — é capaz de descobrir até uma gravidez. O modelo da varejista é preciso o suficiente que é capaz até de adivinhar o trimestre em que uma mulher grávida está baseado no que ela comprou. O processo é tão certeiro que um pai ficou sabendo que a sua filha de 16 anos estava grávida por meio de promoções da loja…


A lição que fica é que a maioria das promoções é impulsionada por temporadas de compras, festas ou grandes feriados. Mas as pessoas também passam por períodos de consumo específicos em suas próprias vidas. O pior momento para vender um carro a alguém, por exemplo, é logo depois que a pessoa acabou de comprar um. Pode ser uma ótima hora, no entanto, para oferecer um seguro ou acessórios. É o aprendizado de máquina que pode captar esses ritmos e recomendar os produtos certos na hora certa.

0 visualização

MATERIAIS GRATUITOS

MORSE YEARBOOK

Veja o que o futuro da tecnologia mobile reserva para os próximos anos.

RECEBA NOSSO CONTEÚDO