Cores que veem



Deficientes visuais estão andando melhor em Barcelona nos últimos meses. A razão? Uns stickers quadrados e coloridos da Navilens. A startup catalã conseguiu remodelar os QRCodes para criar pequenas tags lidas rapidamente por smartphones, sem que a câmera precise ser apontada diretamente para os stickers (eles são “lidos” em até 12 metros de distância). Espalhadas por estações de metrô e por pontos de ônibus, as etiquetas têm dados sobre os transportes e sobre a localização deles. Assim, quem tem algum tipo de deficiência visual instala o aplicativo da Navilens e consegue escutar as direções, como qual linha consegue pegar naquele local.

MATERIAIS GRATUITOS

MORSE YEARBOOK

Veja o que o futuro da tecnologia mobile reserva para os próximos anos.

RECEBA NOSSO CONTEÚDO