TIM vai para o carro e PS5 terá um streaming

TIM vai fornecer conectividades para carros Fiat, Jeep e Ram no Brasil

A operadora firmou parceria com a Fiat Chrysler Automóveis para fornecer chips para os automóveis da montadora. Os primeiros carros serão lançados no primeiro trimestre do ano que vem. Juntas, as empresas vão oferecer serviços de conveniência relacionados ao uso do carro - como identificação de falhas mecânicas e abrir o carro de maneira remota. Além disso, e essa é a cereja do bolo, a FCA pretende montar um ecossistema de parceiros e serviços digitais “No futuro, todos os nosso modelos serão conectados. O cliente vai precisar apenas fazer o cadastro com seus dados”, afirmou André Souza, CIO da FCA.


Sony pode comprar serviço de streaming de animes Crunchyroll

Informação foi dada pelo jornal japonês Nikkei. A dona do Playstation poderá pagar até US$ 950 milhões para adquirir o serviço de streaming de animes, séries japonesas e k-dramas. A operação não só daria à Sony acesso a 70 milhões de assinantes do Crunchyroll, como também permitiria à empresa criar um rundle, que é unir a venda do hardware com a de serviços digitais.


Apple é processada na França por mudanças na coleta de dados de iPhones

Companhias de ads e organizações - como o IAB - entraram com um processo no órgão antitruste francês contra a Apple, mais especificamente, contra as mudanças que a dona do iPhone promoveu para Apps terceiros captarem o IDFA (identificador único de cada aparelho; uma espécie de chassi dos celulares). Segundo as companhias, o mercado pode ser prejudicado pela Apple, já que a modificação pode diminuir a capacidade de empresas menores personalizarem os ads para a audiência. Falando em processo rolando contra Big Tech na Europa, as gigantes da tecnologia terão que “abrir a caixa preta” dos seus algoritmos a autoridades da União Europeia.


AmazonAds cresce 51% em receita no terceiro trimestre

Área de advertising da Amazon teve receita de US$ 5,4 bilhões e já supera a receita da empresa em vendas em varejo físico. A plataforma, que irá absorver o inventário do Twitch, também planeja entrar no inventário de outros serviços de streaming da companhia de Bezos. Já a Amazon - global - teve recorde de receita no terceiro trimestre: US$ 96,1 bilhões.


Marcas usam mais pontos de dados sobre clientes durante crise do Covid (e têm sucesso!)

Cases da Mercedes-Benz e da Bacardi mostram que marcas que usaram informações de fluxo de pessoas tiveram sucesso durante a pandemia. A marca de bebidas usou analytics com até 35 pontos de dados para entender o movimento de seus clientes e conseguiu mudar os esforços de marketing para produtos que faziam mais sentido para o público de acordo com contexto. Já a marca de carros utiliza os dados para entender o comportamento dos clientes e, principalmente, o quanto cada mercado já está aberto a andar nas ruas. E a sua marca, já está utilizando dados Mobile para entender o comportamento dos seus clientes e potenciais clientes? Conheça aqui as soluções da Hands como OOH Mobile Insights, Farol do Varejo e outras feitas sob demanda.


Apple está mais próximo de um buscador próprio

Essa notícia tínhamos adiantado para você lá no final de agosto, e uma reportagem do Financial Times apontou, na semana passada, que, de fato, a Apple está trabalhando em criar um buscador próprio para ser uma alternativa ao Google no iOS. A Google paga quase US$ 10 bilhões anuais para que a Apple utilize o buscador em seus celulares - parceria essa que foi colocada em dúvida pelo Departamento de Justiça norte-americano, em processo contra o Big G.


/Coming Up


Carrefour se reposiciona e lança app com recompensas

Além de recompensas, o novo app também permite realizar compras online e obter dicas de receitas, por meio de parceria com o CyberCook. Chamado Meu Carrefour, o aplicativo conta com um programa de recompensas que conecta consumidores aos serviços e benefícios da rede. A estratégia marca o avanço da empresa na digitalização do seu ecossistema. Para saber mais sobre as mudanças no digital do Carrefour, bem como a participação do CyberCook nesse processo, temos um podcast com Alexandre Canatella, founder do CyberCook e diretor de Negócios Digitais do Carrefour; vale conferir.


TikTok firma parceria com Shopify para acrescentar comércio em sua plataforma

Os usuários do aplicativo poderão vender seus produtos no Shopify a partir de um “swipe para cima”. Os testes começaram nos EUA na semana passada e devem fazer o roll out para a Europa e a Ásia. Não tem previsão de quando a funcionalidade chegará no Brasil. Mas, uma coisa é certa, o aplicativo está apostando no live commerce. Por aqui, em terras brasileiras, a Rappi afirma que as vendas via live irão liderar o e-commerce no Natal.



AliExpress abrirá centro de distribuição no Brasil

De acordo com o country manager da empresa no Brasil, Yan Di, a companhia já planeja abrir seu centro de distribuição no Brasil, bem como irá permitir que comerciantes brasileiros vendam seus produtos em seus marketplaces. Outro ponto que Di tocou é que a gigante do e-commerce chinesa pretende investir em aquisições no Brasil.



Cielo promete WhatsApp Pay para novembro

O presidente-executivo da Cielo, Paulo Caffarelli, disse durante coletiva que a companhia espera que o Banco Central autorize a utilização do aplicativo de mensagem para pagamento em novembro. Caffarelli não informou, no entanto, se a autorização deve acontecer antes ou depois do início de funcionamento do PIX - que começa a operar nesta semana, no dia 3. Falando em WhatsApp, o aplicativo agora entrega 100 bilhões de mensagens ao dia, a mesma quantidade de mensagens que eles entregaram no ano novo do ano passado!




/Cashing Up


Locaweb compra Vindi por R$ 180 milhões

A Vindi é uma empresa de software as a service (SaaS) que processa e faz a gestão de pagamentos recorrentes. Desde 2013, a startup captou US$ 9,9 milhões, parte deste investimento realizado pela Confrapar, gestora que também é investidora aqui do Morse :). A Vindi nasceu atendendo o mercado de games e de conteúdo adulto e, com o tempo, passou a atender todos os setores que dependem de pagamento recorrente como escolas, academias e aplicativos de assinatura. Atualmente, a startup tem 6 mil clientes e movimenta aproximadamente R$ 4 bilhões. Esta é a terceira aquisição da Locaweb desde o IPO - e sua maior compra também.


T4F compra startup que detém plataforma de venda de ingressos Inti

Com a aquisição da Inti, a Time 4 Fun passa a ser dona da tecnologia de venda e emissão de ingressos - até então, a companhia usou ferramentas sob licença. "Decidimos adquirir uma plataforma de tecnologia para sermos donos do código fonte, o que nos permitirá desenvolver rapidamente todos os features que a gente entenda ser importantes", afirma o fundador e presidente da T4F, Fernando Alterio.


Via Varejo compra startup de software i9XP para ampliar marketplace

Startup tem software para varejo eletrônico, mas chamou atenção da Via Varejo pela quantidade de desenvolvedores que tem no pessoal - 120. A característica motivou a aquisição, segundo o presidente-executivo da Via Varejo, Roberto Fulcherberguer. “Por que ainda não tenho 30 mil ‘sellers’? Porque a minha tecnologia não permite”, afirmou Fulcherberguer à Reuters, acrescentando que a aquisição deve fechar este gap tecnológico.


Flagcx compra operação do Buzzfeed Brasil (Meio & Mensagem)

A holding Flagcx, que é dona da CuboCC, das agências Metch e Pong Dinasty, agora detém a operação brasileira do BuzzFeed. Com a aquisição, que ainda será anunciada oficialmente, Vivi Duarte, dona do Plano Feminino, é nomeada para o cargo de CEO e Pedro Tourinho, sócio da Flagcx, assume a liderança das empresas de conteúdo da holding.


/Hurry Up


Americanas é o e-commerce mais conhecido; Amazon, o mais bem avaliado (Exame)


Quase 40 milhões de brasileiros se bancarizaram durante a pandemia (Mobile Time)


Big Tech: “big” porque Tech ou Tech porque big (NYT)


Spotify chega a 320 milhões de usuários ativos no mês e 144 milhões de assinantes (The Verge)


Xiaomi supera Apple em venda mundial de celulares no terceiro trimestre (InfoMoney)


MATERIAIS GRATUITOS

MORSE YEARBOOK

Veja o que o futuro da tecnologia mobile reserva para os próximos anos.

RECEBA NOSSO CONTEÚDO