Facebook pode vender WhatsApp e Instagram

/What's Up

O que agitou os últimos dias em nosso mercado


Governo dos EUA abre dois processos contra o Facebook

A rede social foi processada por duas autoridades do governo dos Estados Unidos: a FTC (Comissão Federal de Comércio norte-americana) e uma coalizão de procuradores-gerais de 48 Estados, como no caso do Google. Ambos acusam o Facebook de monopólio e os dois investigam a fundo o que significaram as compras do Instagram, em 2012, e do WhatsApp, em 2014, em termos de concorrência. E exigem que o WhatsApp e o Instagram sejam separados do Facebook. Os processos ocorrem exatamente no momento em que o FB tem se movimentado para unificar a experiência em seus apps. A rede de Zuckerberg se defende falando que todas as aquisições feitas foram aprovadas pelo governo federal norte-americano na época e que o Governo não pode revogar tal decisão depois de tanto tempo. Para o mercado, o processo pode decidir uma questão essencial: qual o tamanho que um ecossistema digital, de fato, pode ter?! E o que significa uma Big Tech comprar uma startup? Esse é um assunto de tanta complexidade que não conseguimos explicar tudo por aqui, então fique ligado no MorsePills de hoje para uma análise maior.



Airbnb dobra de valor de mercado após IPO e já vale mais que 3 maiores redes de hotel do mundo

A plataforma teve a maior abertura de capital de 2020 na bolsa norte-americana: o preço da ação, que saiu a US$ 68 na oferta pública inicial, logo na abertura passou de US$ 140 (mais especificamente, US$ 146). O Airbnb fechou o primeiro dia listado na Nasdaq valendo aproximadamente US$ 100 bilhões, valuation maior que o valor de mercado do Marriott, Hilton e Intercontinental combinado, que é de US$ 84,1 bilhões. Nada mal para uma empresa que, em abril, no começo da pandemia, foi avaliada em US$ 18 bilhões. O mundo dá voltas, e um bom planejamento de futuro pode sim ajudar num momento de crise.


Locaweb compra Ideris, integrador de marketplaces, por R$ 18,3 milhões

Em sua quarta aquisição no ano, a Locaweb fechou a aquisição do Ideris, um integrador multicanal para operações em marketplaces, por R$ 18,3 milhões. Fundado em 2017 em Curitiba, o Ideris oferece uma plataforma de integração multicanal para operações de varejo — com controle de logística interna e gestão do estoque em todos os canais de venda. Com a aquisição, a Locaweb amplia sua oferta de ferramentas de e-commerce, contando com plataforma de lojas virtuais, sistemas de pagamentos e recorrência.


Eletromidia entra com pedido de IPO

A companhia de mídia Out of Home, Eletromidia registrou um pedido de IPO com a meta de obter recursos na oferta primária para expandir a empresa, investir em tecnologia, adquirir novos negócios e concessões. Lembrando aqui que, no começo do ano, a Eletromidia comprou a Elemídia. De acordo com a empresa, há concessões públicas e privadas que podem gerar uma receita de R$ 750 milhões nos próximos cinco anos.



/Following Up

Novidades dos assuntos que já temos acompanhado por aqui


Usuários gastam US$ 112 bilhões em apps em 2020, 25% a mais que em 2019

Os dados são da App Annie! Segundo a empresa, foram 130 bilhões de downloads feitos na App Store e na Google Play no mundo em 2020, 10% a mais do que em 2019 - e o valor gasto em apps foi de US$ 112 bilhões, 25% maior que no ano passado. A pandemia levou à mudança de hábito no smartphone: o tempo de uso aumentou e os tipos de apps baixados também, com destaque para os aplicativos ligados ao trabalho remoto - como o Zoom - que cresceram em 200% a quantidade de downloads no ano.


Apple vai remover apps que não pedirem autorização para captar dados de usuários

Em discurso para legisladores na Europa, o vice-presidente de engenharia de software da Apple, Craig Federighi, informou que os apps que não cumprirem os requisitos da App Tracking Transparency, vão ser eliminados da App Store. Ele ainda acrescentou que o setor de ads está “exagerando” ao criticar a alteração das exigências do IDFA. Enquanto isso, a Maçã segue forte em colocar os “rótulos nutricionais” de privacidade nos aplicativos. Em nota, o time do WhatsApp afirmou que é a favor do “rótulo de privacidade” para os apps, contanto que o iMessage, app de mensagens nativo do iPhone, também apresente a mesma transparência para os usuários.



Austrália propõe que Google e Facebook paguem à imprensa

O governo australiano apresentou o projeto de lei - considerado pioneiro no mundo - chamado “News Media and Digital Platforms Mandatory Bargaining Code”, que exige que as Big Techs paguem a empresas de mídia pelo uso do conteúdo em suas plataformas. O código encoraja que as companhias de tecnologia negociem com as grandes produtoras de conteúdo da Austrália para poderem colocar as notícias em suas plataformas.



/Coming Up

Radar do Morse sobre novas tendências, produtos e serviços


Instagram lança ferramenta de compra no Reels

Na mesma semana que o chefe do Instagram, Adam Mosseri, afirmou que o TikTok é o “competidor mais formidável que já vimos”, o aplicativo do Facebook lançou uma funcionalidade de shopping em sua área de vídeos curtos, exatamente como o app chinês - que, no mês passado, firmou parceria com a Shopify.


Nielsen vai acrescentar streaming nas métricas de audiência de TV até 2024

A companhia vai substituir os atuais sistemas de medição de telespectadores para incorporar os comportamentos digitais como a TV via streaming. Segundo reportagem do Wall Street Journal, a empresa planeja lançar a nova forma de medir audiência no quarto trimestre de 2022 e substituir todo o sistema até 2024.


Itaú cria unidade focada apenas em pagamentos

O banco anunciou a criação de uma unidade focada em pagamentos, em meio à formação de um comitê executivo que tem por objetivo tornar o grupo mais ágil quando passar a ser liderado por um novo presidente. A unidade recém-lançada incluirá cartões de crédito, a adquirente Rede, a unidade de pagamentos digitais de varejo e gestão de caixa, de acordo com informações apuradas pela Reuters.


Banco digital Agibank cria nova empresa focada em dados, a HypeFlame

A fintech Agibank criou a HypeFlame, focada em inteligência de dados. A companhia nasceu com um orçamento de R$ 200 milhões. “Ao longo dos últimos anos percebemos o valor que ganhamos ao olhar para os dados. Agora, queremos mostrar esse valor para a indústria”, disse, ao Estadão, Fernando Castro, que era diretor de tecnologia do Agibank e agora passa a ser o presidente executivo da nova empresa.



Fiat e Jeep lançam Flua!, plataforma de carros por assinatura no Brasil

A FCA irá oferecer um serviço de assinaturas de carros 0 KM a partir do ano que vem. Chamado Flua!, o serviço estará disponível em 32 concessionárias: 28 delas nas cidades paulistas – sendo oito da Jeep na cidade de São Paulo – e quatro na capital paranaense. As opções de planos são para 12, 24 e 36 meses, com franquias de mil, dois mil e três mil quilômetros por mês. Ao final do contrato, o usuário terá opção de comprar o carro com desconto ou ele será destinado à revenda. Os preços dos serviços serão anunciados em janeiro.


Amazon inaugura no Brasil serviço de logística a vendedores no marketplace

A batalha dos marketplaces começou! A Big Tech lançou o FBA (Fulfilment By Amazon) no Brasil, serviço em que oferece aos vendedores de seu marketplace toda a logística de armazenagem, entrega de produtos e atendimento aos consumidores. Pelo modelo, os vendedores do marketplace da Amazon poderão eleger quais produtos serão vendidos pelo FBA, que deverão ser estocados antecipadamente nos centros da Amazon, que cuida do transporte das mercadorias para os depósitos, da armazenagem e da posterior entrega ao cliente final.


Substack quer criar um reader de newsletters em aplicativo

Startup responsável pela plataforma de newsletters pagas e gratuitas está criando um aplicativo que servirá como um leitor para os e-mails de news! Mais ou menos como um leitor de RSS, ou um Google Reader, mas para newsletters. Vocês acham que daria certo?!


/Cashing Up

Deals que movimentam o mercado


Twitter compra aplicativo de video-chat e compartilhamento de telas Squad

A rede social comprou o aplicativo responsável por um sistema de compartilhamento de telas e video-chat em tempo real. De acordo com a CEO do Squad, Esther Crawford, o time do aplicativo será absorvido em diversas áreas do Twitter, mas eles devem liderar um produto conversacional na plataforma.


Locaweb compra Ideris, integrador de marketplaces, por R$ 18,3 milhões

Em sua quarta aquisição no ano, a Locaweb fechou a aquisição do Ideris, um integrador multicanal para operações em marketplaces, por R$ 18,3 milhões. Fundado em 2017 em Curitiba, o Ideris oferece uma plataforma de integração multicanal para operações de varejo — com controle de logística interna e gestão do estoque em todos os canais de venda. Com a aquisição, a Locaweb amplia sua oferta de ferramentas de e-commerce, contando com plataforma de lojas virtuais, sistemas de pagamentos e recorrência.



PubMatic abre capital e sobe mais de 50% na primeira semana

Airbnb e Doordash não foram os únicos IPOs bombados da semana. A companhia dona da plataforma de SSP abriu capital lá nos Estados Unidos e, logo de cara, já subiu a precificação das ações na oferta inicial de US$ 18 para US$ 20. Já no primeiro dia as ações subiram quase 50%, levando o mercado, que há pouco tempo chegou a ser cético, voltar a se animar com o setor de adtechs - talvez pelo fato de o duopólio deste mercado estar sendo colocado em xeque enquanto novas empresas e alternativas vão surgindo.


Nova rodada de investimentos deve avaliar ByteDance em US$180 bilhões

De acordo com a Reuters, a Sequoia Capital e a KKR estão liderando uma rodada de investimento na dona da TikTok. A rodada pode levantar aproximadamente US$ 2 bilhões e, caso se concretize, a companhia seria avaliada em US$ 180 bilhões (honestamente, a gente nem sabe que tipo de unicórnio é esse!).


Hyundai compra 80% de startup de robôs Boston Dynamics

Fabricante sul-coreana de carros comprou o controle da startup que fabrica robôs e inteligência de movimento, Boston Dynamics. Na operação, a Hyundai comprou a Boston do Softbank e avaliou a startup em US$ 1,1 bilhão. Essa é a terceira mudança de comando da Boston Dynamics em sete anos: eles já foram do Google e depois passaram para o Softbank.


/Hurry Up

Assuntos rápidos para você se atualizar


MATERIAIS GRATUITOS

MORSE YEARBOOK

Veja o que o futuro da tecnologia mobile reserva para os próximos anos.

RECEBA NOSSO CONTEÚDO

_Morse

_Siga a gente

  • SoundCloud ícone social
  • Spotify ícone social
  • RSS ícone social
  • LinkedIn ícone social
  • Instagram