Plantas & Bytes


O governo do Japão quer usar o Big Data para examinar a eficácia (e também os efeitos colaterais) da sabedoria milenar sobre plantas e ervas da China. Mais especificamente, da famosa fitoterapia chinesa. Esse ramo é conhecido pela combinação de vegetais durante a “produção” do remédio com a secagem das raízes de plantas, caules e folhas. Ao final do preparo, eles podem ser consumidos como estão ou dissolvidos em água quente, como se fossem chá.


Previsto para 2019,  o projeto vai coletar informações sobre cerca de 1 milhão de receptores de medicação natural para, depois de analisados, estabelecer uma base científica que certifique que 1) os medicamentos trazem resultados 2) sem provocar qualquer efeito negativo.

0 visualização

MATERIAIS GRATUITOS

MORSE YEARBOOK

Veja o que o futuro da tecnologia mobile reserva para os próximos anos.

RECEBA NOSSO CONTEÚDO