Satisfeito porém interessado


Segundo dados da nona edição da pesquisa “Estudo Operadoras de Telefonia Celular”, da CVA Solutions, a percepção das teles melhorou no último ano. Dentre os 7 mil entrevistados de todo o país, mais de 70% dos consumidores de pré-pago confirmaram isso. A  mesma percepção foi registrada por 80% dos respondentes que tinham a opção pós-paga. Para a consultoria, a aprovação é fruto de investimentos das teles em infraestrutura, além de “menos linhas congestionadas com a recessão econômica” recente.


Conectados e pagos


Informações da própria Anatel apontam que os planos pré-pagos estão perdendo a força e a tecnologia LTE (4G) avança na preferência do brasileiro. A CVA diz que quase 10% das pessoas utilizam somente dados móveis e 14% usam exclusivamente para voz (traduzindo: fazer ligações) – em 2013, este último índice era de 55%. Quem tem pré-pago prefere Wi-Fi (40%), mas 37% já conta com 4G, contra 22% que ainda usa  a conexão 3G. No pós-pago, o Wi-Fi é o principal meio para 30%, contra 49% com LTE e 19% para 3G.


Eu quero é ser livre


Mesmo com a galera se mostrando em paz com o serviço que possui, ainda não é hora de pensar em se acomodar. Isso porque 74% das pessoas que responderam afirmaram que a portabilidade ainda era uma hipótese considerada por eles.  Já sabe: ficar parado não dá.

MATERIAIS GRATUITOS

MORSE YEARBOOK

Veja o que o futuro da tecnologia mobile reserva para os próximos anos.

RECEBA NOSSO CONTEÚDO